Estádio da Semana: Coca-Cola Park

21 10 2009

Ellis Park StadiumEllis Park Stadium ou  Coca-Cola Park é um estádio localizado na cidade de Johannesburg, na África do Sul, que será sede do Campeonato do Mundo de 2010, o primeiro a ter lugar no continente africano.

O estádio pertence à equipa de rugby Golden Lions, hospeda também vários jogos da Selecção Sul-Africana de Rugby, e é considerado um dos principais estádios de rugby do país, mas também é usado pela equipa de futebol Orlando Pirates.

Ellis Park Stadium 2Inaugurado em 1928, actualmente pode receber 59611 espectadores para jogos de futebol ou rugby. Era o estádio mais moderno do país até ao inicio da construção dos novos estádios para o Mundial 2010.

Em 11 de Abril de 2001 foi palco de uma das maiores tragédias do desporto: durante um jogo entre Kaiser Chiefs e Orlando Pirates, 43 pessoas morreram tentando entrar no estádio, quando 30000 espectadores tentavam entrar no estádio que já estava lotado.

O Ellis Park foi um dos quatro estádios elegidos para albergar encontros da Taça das Confederações FIFA 2009Ellis Park Stadium 3, que se disputou na África do Sul em Junho de 2009, incluindo o encontro inaugural e a final dessa mesma competição, tendo o Brasil vencido a competição frente à selecção norte-americana.

O estádio era formalmente conhecido por Mr J.D. Ellis. Porém após um milionário negócio de naming right o estádio passou a ser conhecido como Coca-Cola Park. Estima-se que o contrato tenha um valor de cerca de 58 Milhões de dólares.

Durante o Campeonato do Mundo de 2010 este estádio será também o primeiro na história Ellis Park Stadium 4a ter um nome comercial. Até hoje todos os propriétarios dos estádios, com contratos de namming right, tinham sido obrigados a suspender os seus acordos com os patrocinadores temporáriamente durante a competição. Porém, como neste caso o patrocinador do namming do estádio é também o maior patrocinador da FIFA, o estádio manterá o seu nome comercial.





Estádio da Semana: Salt Lake Stadium

14 10 2009

Salt Lake StadiumSalt Lake Stadium é um estádio multiusos localizado na Índia, mais precisamente em Bidhannagar, Kolkata, West Bengal.

É o segundo maior estádio do mundo e maior no sub-continente indiano. É actualmente usado para partidas de futebol e atletismo. O estádio foi construído em 1984 e possui capacidade para 120000 espectadores.

Está situado a cerca de 10 km do centro da cidade. O tecto é feito de tubos de metal, chapas de alumínio e cimento. Está equipado por dois placares electrónicos e salas de controlo. A iluminação é uniformemente distribuída para facilitar a prática desportiva durante a Salt Lake Stadium 2noite. Está também muito bem equipado para transmissões televisivas.

O Salt Lake Stadium hospeda os jogos em casa dos clubes locais Mohun Bagan AC, East Bengal FC, Mohammedan SC, três dos grandes clubes do futebol indiano.

Os derbies tradicionais entre East Bengal e Mohun Bagan AC têm lugar neste estádio acompanhado de muito espalhafato e emoções febris (e em algumas ocasiões surtos de violência). A maioria destes jogos são assistidos por multidões de fervorosos adeptos, apoiantes partidários de ambas as equipas (tradicionalmente os Salt Lake Stadium 4fãs de Mohun Bagan comemoram vitórias, comendo camarão e os fans do East Bengal comemoram a sua vitória comendo peixes Hilsa).

Muitos dos jogos em casa da selecção de futebol da Índia são também jogados no Salt Lake Stadium.

Este estádio foi, também, anfitrião da última partida de Oliver Kahn no Bayern Munique, quando jogou um particular contra o Mohun Bagan, em que o Bayern venceu por 3-0.





Estádio da Semana: Donbass Arena

7 10 2009

Donbass Arena 0O Donbass Arena é um novo estádio em Donetsk, Ucrânia. Foi inaugurado a 29 de Agosto de 2009 e é servido por um relvado de relva natural. A instalação está localizada no centro da cidade, no parque Lenin Comsomol.

Tem capacidade para 50000 espectadores e irá receber os jogos do FC Shakhtar Donetsk e possivelmente alguns dos jogos da fase final do Europeu de 2012, que será co-organizado pela Ucrânia e Polónia. É um dos mais modernos estádios do mundo sendo considerado um estádios de Elite da UEFA.

O custo inicial estimado era de cerca de 250 milhões de dólar, sendo que 30 dos quais estavam destinados a um parque recreativo à volta do estádio. Porém o custo final do projecto cifrou-se em mais de 400 milhões de dólares.

Donbass ArenaA construção foi iniciada em 2006. A empresa responsável pela obra foi a empresa ENKA, sendo esta uma empresa de origem turca.

O Donbass Arena foi desenhado pela ArupSport, que também projectou o City of Manchester Stadium (Manchester, Inglaterra), o Allianz Arena (Munique, Alemanha) e o Beijing National Stadium (Pequim, China). Uma solução de engenharia de excepcional – o efeito do tecto a subir – fará com que o estádio se assemelhe a um disco voador. A forma oval e  a fachada envidraçada garantirão uma visão inesquecível. O estádio está localizado próximo do RSK Olimpiyskiy Regional Sports Complex criando um elegante conjunto arquitectónico. A iluminação externa fará com que o Estádio brilhe como um diamante na noite.

Donbass Arena 1O Donbass Arena foi inaugurado a 29 de Agosto de 2009, embora com a velocidade de construção e cronograma poderia ter sido feito mais cedo. 29 de Agosto é o dia dos mineiros na Ucrânia e o dia cidade de Donetsk. Também o nome do clube local, Shakhtar Donetsk, traduzida para Inglês é “Donetsk Coal Miners”, logo esta data foi escolhida pelo seu simbolismo.





Estádio da Semana: La Bombonera

30 09 2009

La BomboneraO La Bombonera (oficialmente Estadio Alberto J. Armando) é o estádio do Club Atlético Boca Juniors. A sua capacidade total é de 49000 espectadores aproximadamente, e o campo segue as medidas mínimas permitidas pela FIFA (105m x 68m). O seu apelido deve-se à sua forma retangular como a de uma caixa de bombons. A principal razão para isso é o reduzido espaço que fora destinado à sua construção, iniciada em 1923. A solução encontrada pelo arquiteto José Luiz Delpini – que lhe granjeou vários prêmios – foi a de criar três anéis de arquibancadas, de modo que qLa Bombonera 2uem assiste o jogo da terceira arquibancada tem de olhar para baixo se quiser assistir o jogo com clareza.

Em 1923, iniciou-se sua construção. Anos depois (em 1940), o então presidente do Boca, Camilo Cichero, concluiu as obras e baptizou o estádio com seu nome. Foi inaugurado com vitória dos donos da casa por 2×1 num amigável contra o San Lorenzo. Em 1952, foi instalada a iluminação para jogos nocturnos. Devido à terrível crise institucional e financeira que assolou o clube em 1984, o estádio foi penhorado. Em 1996, foram construídos camarotes VIPs pelo presidente Mauricio Macri e, em 2001, o estádio foi rebaptizado com o nome de Alberto J. Armando, homenagem a outro megaempresário e político, que fora presidente da instituição nos anos 70. La Bombonera 3O seu exterior foi pintado recentemente com afrescos do reconhecido pintor Pérez Celis, que retratou a paixão dos adeptos do clube, bem como aspectos relacionados à vida quotidiana do bairro de La Boca, como o dia-a-dia dos imigrantes italianos. Foi a disposição vertical das arquibancadas, onde cabem cerca de 49000 pessoas aproximadamente, que fez com que o estádio começasse a ser chamado de “la bombonera”, numa curiosa comparação com uma caixa de bombons.